Publicado 11/06/2019 - 14h49 - Atualizado 11/06/2019 - 14h49

Por Da Agência Anhanguera

Paulo César Pinheiro: comemoração pelos 70 anos com shows com amigos parceiros e lançamento de dois livros, de poesia e de contos

Silvana Marques/Divulgação

Paulo César Pinheiro: comemoração pelos 70 anos com shows com amigos parceiros e lançamento de dois livros, de poesia e de contos

O compositor, poeta, teatrólogo e autor de grandes sucessos da MPB, Paulo César Pinheiro comemora seus 70 anos no Teatro Sesc Pompeia, em São Paulo, com uma série de apresentações de sexta a domingo, tendo como convidados especiais parceiros veteranos e jovens e intérpretes.
Na sexta, dia 14, participam do show, Dori Caymmi, Sergio Santos e Miguel Rabello. No sábado. Paulo César divide o palco com Lenine, Mônica Salmaso, Breno Ruiz e Eduardo Gudin; e no domingo, dia 16, Renato Braz, Amélia Rabello, Julião Rabello Pinheiro e Ana Rabello Pinheiro, os dois últimos filhos de Paulo César. Paulo César estará acompanhado dos músicos Luciana Rabello (cavaquinho), Toninho Carrasqueira (flauta), Nailor Proveta (clarinete e saxofone) e Marcus Thadeu, Magno Júlio e Rafael Toledo (percussões).
O artista, que lançou recentemente dois novos livros pela editora 7Letras, um de poesia, Poemúsica e outro de contos e narrativas curtas, Figuraças, e que assina o roteiro do show, também vai declamar seus poemas, além de contar histórias de sua carreira, seus parceiros e suas músicas.
O show tem direção musical de Mauricio Carrilho e direção de palco e luz de Gustavo Guenzburger. O repertório será como um passeio pela sua carreira: as primeiras composições e sucessos, as músicas e os poemas inesquecíveis e as novidades de agora trazidas pelos jovens parceiros convidados. Entre elas, Viagem (com João de Aquino), Lapinha, Violão Vadio, Falei e Disse, Quaquaraquaquá, Refém da Solidão (com Baden Powell), O Poder da Criação (com João Nogueira), Portela na Avenida e Canto das Três Raças (com Mauro Duarte), Leão do Norte (com Lenine), Desenredo (com Dori Caymmi) e Áfrico (com Sergio Santos), entre outras.
Aos 70 anos, Paulo César está com energia e disposição de garoto. No segundo semestre deste ano se prepara para lançar outro livro, Mil versos, mil canções (7Letras). No mesmo período será lançado o documentário longa-metragem Paulo César Pinheiro - Letra e Alma, com direção de Andréa Prates e Cleisson Vidal, da Terra Firme Produções, para o Canal Curta!. Só neste ano, serão lançadas pelo menos 78 músicas inéditas de Paulo César com diversos parceiros (ele tem a expressiva marca de 150 parceiros).
Sobre Paulo César Pinheiro
Nasceu no Rio de Janeiro em 1949. Com cerca de 1,4 mil músicas gravadas por diversos intérpretes e dez álbuns lançados, Paulo César Pinheiro é também autor de trilhas para cinema, teatro e TV. Publicou os livros de poesia Canto brasileiro (Cia Brasileira de Artes Gráficas, 1976), Viola morena (Tempo Brasileiro, 1984), Atabaques, Violas e Bambus (Record, 2000), Clave de sal (Gryphus, 2003), Sonetos Sentimentais pra Violão e Orquestra (7Letras, 2014) e Poemúsica (7Letras, 2018); os romances Pontal do Pilar (Leya, 2009) e Matinta, o bruxo (Leya, 2011) e o livro de contos Histórias das minhas canções (Leya, 2010). Figuraças (2019, 7Letras) é seu décimo livro. É autor das peças Besouro Cordão de Ouro,vencedor do Prêmio Shell de Teatro 2006, e Galanga Chico Rei (2012). Foi premiado com o Grammy em 2002 e recebeu o Prêmio Shell pelo conjunto de sua obra em 2003.
AGENDE-SE
O quê: Paulo César Pinheiro – 70 Anos
Quando: Sexta e sábado (14 e 15/6), às 21h; e domingo (16/6), às 18h
Onde: Sesc Pompeia (Rua Clélia, 93, Água Branca, São Paulo)
Quanto: De R$ 15,00 a R$ 50,00 (mais informações: http://sescsp.org.br/pompeia)

Escrito por:

Da Agência Anhanguera