Publicado 14/01/2020 - 11h29 - Atualizado 14/01/2020 - 11h29

Por Estadão Conteudo

Joaquin Phoenix é apontado como favorito ao Oscar de Melhor Ator

Divulgação

Joaquin Phoenix é apontado como favorito ao Oscar de Melhor Ator

O Oscar divulgou nesta segunda-feira, 13, os indicados para a cerimônia de 2020, que ocorre no próximo dia 9 de fevereiro. Coringa lidera a lista, com 11 indicações, seguido da produção da Netflix, O Irlandês, com 10. Em uma época em que filmes inspirados em histórias em quadrinhos são criticados pela fórmula desgastada, Coringa se consagra como um dos grandes sucessos da temporada. É a produção baseada em quadrinhos com mais indicações na história da Academia.
Ao beber da fonte do cinema autoral dos anos 1970, o longa-metragem de Todd Phillips quebra paradigmas ao ganhar respeito – e prêmios -, além de colocar o protagonista Joaquin Phoenix, que já ganhou o Globo de Ouro e o Critic’s Choice Awards, como um dos favoritos ao Oscar de melhor ator. O longa também é indicado como melhor filme e diretor, roteiro adaptado, fotografia, figurino, edição, trilha original, cabelo e maquiagem, edição de som e mixagem de som.
Depois de faturar o Oscar de melhor direção (Alfonso Cuarón) e melhor filme estrangeiro (Roma) no ano passado, a Netflix confirma sua força na festa de Hollywood com 24 indicações distribuídas em seus concorrentes. Para o Brasil, o mais interessante foi a colocação de Democracia em Vertigem, de Petra Costa, na lista dos documentários - que inclui ainda outro produto da empresa, American Factory.
O Irlandês recebeu 10 nominações, ficando atrás apenas de Coringa. A grande maioria entre as principais indicações, como filme, direção (Martin Scorsese), ator coadjuvante (Al Pacino, Joe Pesci), fotografia e roteiro adaptado. O grande temor é nenhuma indicação se transformar em premiação.
História de um Casamento recebeu seis indicações. O drama sobre a dissolução de um matrimônio garantiu vaga para seu casal de protagonistas (Scarlet Johansson e Adam Driver), além de Laura Dern, que vem faturando todos os prêmios de coadjuvante. O longa é dirigido e foi escrito por Noah Baumbach, que concorre nessas duas categorias, direção e roteiro original. Uma última indicação é para Randy Newman, na trilha sonora.
Dirigido pelo brasileiro Fernando Meirelles, Dois Papas conseguiu que sua dupla de protagonistas ficasse entre os indicados: Jonathan Pryce como melhor ator e Antony Hopkins, como coadjuvante. Trabalhos impecáveis mas, a julgar pelas bolsas de apostas, ambos perderiam para os favoritos Joaquin Phoenix (Coringa) e Brad Pitt (Era uma Vez... em Hollywood).
O filme sul-coreano Parasita recebeu seis indicações para o Oscar, incluindo de melhor filme e melhor filme internacional (antigo estrangeiro), além de direção, roteiro original, edição e desenho de produção. Trata-se da primeira vez que um longa da Coreia do Sul concorre ao prêmio máximo da Academia de Hollywood.
O filme, também premiado no Globo de Ouro e no Critic's Choice Awards, tornou-se uma sensação nos Estados Unidos, onde figurou em diversas listas dos melhores longas do ano passado exibidos no país.
A trama acompanha a família de Ki-taek, que está desempregada e vive num porão sujo e apertado. Uma obra do acaso faz com que o filho adolescente da família comece a dar aulas de inglês à garota de uma família rica. Fascinados com a vida luxuosa dessas pessoas, pai, mãe, filho e filha bolam um plano para se infiltrar também na família burguesa, um a um. No entanto, os segredos e mentiras necessários à ascensão social custarão caro a todos. Favorito ao Oscar de Melhor Filme Internacional, o drama está sendo adaptado para uma série da HBO.
Do Brasil, Democracia em Vertigem
A produção brasileira Democracia em Vertigem foi indicada ao Oscar 2020 na categoria melhor documentário. O filme, dirigido por Petra Costa, retrata a polarização política do Brasil e o impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff. "O projeto foi crescendo na minha cabeça. Era preciso voltar à rua, seguir o processo no Congresso, documentar o que estava se passando no País. Para isso tive de voltar às greves do ABC. E, filmando os acontecimentos, dei-me conta do isolamento no Planalto Central. Voltei a Juscelino (Kubitschek) e à construção de Brasília. E, nem assim, o filme me parecia completo. Veio o novo processo eleitoral, a candidatura de (Jair) Bolsonaro", disse ela ao jornal O Estado de S. Paulo durante o lançamento do longa disponível na Netflix.
Confira os indicados:
Melhor filme
Ford vs. Ferrari
O Irlandês
Jojo Rabbit
Coringa
Adoráveis Mulheres
História de um Casamento
1917
Era Uma Vez...Em Hollywood
Parasita
Melhor Ator
Antonio Banderas, Dor e Glória
Leonardo DiCaprio, Era Uma Vez em... Hollywood
Adam Driver, História de um Casamento
Joaquin Phoenix, Coringa
Jonathan Price, Dois Papas
Melhor Atriz
Cythia Erivo, Harriet
Scarlett Johansson, História de um Casamento
Saoirse Ronan, Adoráveis Mulheres
Charlize Theron, O Escândalo
Renée Zellweger, Judy
Melhor Ator Coadjuvante
Brad Pitt, Era Uma Vez...Em Hollywood
Al Pacino, O Irlandês
Joe Pesci, O Irlandês
Anthony Hopkins, Dois Papas
Tom Hanks, Um Lindo Dia na Vizinhança
Melhor Atriz Coadjuvante
Laura Dern, História de um Casamento
Kathy Bates, O Caso Richard Jewell
Scarlett Johansson, Jojo Rabbit
Florence Pugh, Adoráveis Mulheres
Margot Robbie, O Escândalo
Melhor Direção
Martin Scorsese, O Irlandês
Todd Phillips, Coringa
Sam Mendes, 1917
Quentin Tarantino, Era Uma Vez em... Hollywood
Bong Joon Ho, Parasita
Melhor Roteiro Adaptado
O Irlandês
Jojo Rabbit
Coringa
Adoráveis Mulheres
Dois Papas
Melhor Roteiro Original
Entre Facas e Segredos
História de um Casamento
1917
Era Uma Vez em... Hollywood
Parasita
Melhor Fotografia
1917
Era Uma Vez Em Hollywood
Coringa
O Irlandês
O Farol
Melhor Figurino
Arianne Phillips, Era Uma Vez...Em Hollywood
Jacqueline Durran, Adoráveis Mulheres
Mark Bridges, Coringa
Mayes C. Rubeo, Jojo Rabbit
Sandy Powell e Christopher Peterson, O Irlandês
Melhor Edição
Ford vs Ferrari
O Irlandês
JoJo Rabbit
Coringa
Parasita
Melhor Trilha Original
Thomas Newman, 1917
Hildur Guðnadóttir, Coringa
Alexandre Desplat, Adoráveis Mulheres
Randy Newman, História de um Casamento
John Williams, Star Wars: A Ascensão Skywalker
Melhor Filme Internacional
Corpus Christi
Honeyland
Os Miseráveis
Dor e Glória
Parasita
Melhor Documentário
American Factory
Learning to Skateboard In a Warzone (If You're A Girl)
The Cave
Democracia em Vertigem
For Sama
Honeyland
Melhor Canção Original
Toy Story 4, I Can't Let You Throw Yourself Away
Rocketman, I’m Gonna Love Me Again
Breakthrough, I’m Standing With You
Frozen II, Into the Unknown
Harriet, Stand Up
Melhor Cabelo e Maquiagem
O Escândalo
Malévola: A Dona do Mal
Coringa
Judy
1917
Melhores Efeitos Visuais
Vingadores: Ultimato
O Irlandês
Star Wars: A Ascensão Skywalker
Rei Leão
1917
Melhor Design de Produção
1917
Era Uma Vez Em Hollywood
O Irlandês
Jojo Rabbit
Parasite
Melhor Animação
Como Treinar o Seu Dragão 3
I Lost My Body
Klaus
Link Perdido
Toy Story 4
Melhor Curta-Metragem
Brotherhood
Nefta Football Club
The Neighbors Window
Saria
A Sister
Melhor Curta de Animação
Dcera (Daughter)
Hair Love
Kitbull
Memorable
Sister
Melhor Edição de Som
Ford vs Ferrari
Coringa
1917
Era Uma Vez… em Hollywood
Star Wars: A Ascensão Skywalker
Melhor Mixagem de Som
Ad Astra
Ford vs Ferrari
Coringa
1917
Era Uma Vez... Em Hollywood

Escrito por:

Estadão Conteudo