Publicado 13/02/2020 - 10h18 - Atualizado 13/02/2020 - 10h18

Por Carlos Rodrigues

O técnico Thiago Carpini receberá hoje à noite, na Câmara Municipal, o título de cidadão campineiro

Wagner Souza/AAN

O técnico Thiago Carpini receberá hoje à noite, na Câmara Municipal, o título de cidadão campineiro

Em edital publicado ontem em seu site oficial, o Guarani confirmou para o dia 15 de março (domingo) a eleição que definirá o novo Conselho de Administração do clube pelos próximos três anos. Sete membros serão eleitos e os grupos interessados em participar do pleito têm 10 dias contados a partir de ontem para protocolar na secretaria do clube os pedidos de registros de candidatura. É necessário o apoio de 70 associados para que uma chapa possa participar do processo.
Por enquanto, apenas o atual presidente Ricardo Moisés confirmou a intenção de participar da eleição, mas sem ainda divulgar os demais membros da chapa. A expectativa é que a principal oposição seja o grupo 'Hoje e Sempre Guarani', que no ano passado tentou, sem sucesso, o impeachment dos dirigentes bugrinos. Há ainda a possibilidade, considerada mais remota, da formação de uma terceira chapa.
Depois dos registros de candidatura, os nomes dos participantes de cada chapa serão anunciados para que sejam feitas possíveis impugnações. Após a análise da situação de cada associado, a Comissão Eleitoral define pela homologação ou não das chapas interessadas. No dia 15, data marcada para a eleição, a Assembleia será aberta às 9h30 em primeira chamada e a segunda chamada acontece meia hora depois. A votação terá duração máxima de oito horas.
Curiosamente, o pleito acontecerá justamente na véspera do Dérbi, que foi confirmado pela Federação Paulista para segunda-feira, dia 16, às 20h, no Brinco de Ouro. O clube enviou um ofício solicitando a antecipação da partida, mas a entidade negou o pedido após consultar o Grupo Globo. A alegação é de que a partida é de suma importância para a grade de transmissão da emissora que detém os direitos do campeonato.
Homenagem
O técnico Thiago Carpini receberá hoje o título de cidadão campineiro. O autor do pedido de concessão da honraria é o vereador Marcelo Silva (PSD), que entregará o título no plenário da Câmara Municipal, às 19h. "Carpini reconhecidamente tem feito um excelente trabalho, de forma profissional, comprometida e ética no Guarani", disse Silva. Natural de Valinhos, o treinador bugrino atuou profissionalmente pelos dois times da cidade e no ano passado voltou ao Brinco de Ouro para ser auxiliar.
Assumiu o comando com a equipe na lanterna da Série B e foi um dos protagonistas da reação que salvou o time do rebaixamento. Com contrato renovado até o final da temporada, Carpini faz do Guarani o atual líder do Grupo D do Paulistão.

Escrito por:

Carlos Rodrigues