1. Você está aqui:  
  2. Home
  3.  > 
  4. notícias
  5.  > 
  6. Campinas e RMC

Varejo de Campinas abre 3 mil vagas de empregos


Os investimentos em shopping centers abrem as portas para quem deseja um trabalho no comércio


11/09/2012 - 09h38 .
Adriana Leite   DA AGÊNCIA ANHANGUERA  


Bartender do restaurante Pobre Juan, no Galeria Shopping: empresa encontrou trabalhadores qualificados
(Foto: Érica Dezonne/AAN)

O varejo de Campinas oferece aos trabalhadores mais de 3 mil oportunidades de emprego com carteira assinada. Os investimentos em shopping centers abrem as portas para quem deseja um trabalho no comércio. Ter experiência é desejável. O Ensino Médio completo é uma exigência de quase todos os empregadores. Mas uma competência fundamental é gostar de se relacionar com o público. Os salários variam conforme o cargo e a empresa. O piso do comércio na cidade é de R$ 856,00. 

Funções de chefia pagam bem mais, ultrapassando os R$ 3 mil. Além dos vencimentos mensais fixos, há posições, como na área de vendas, que incluem uma bonificação pelo desempenho. Grandes redes como Renner e C&A estão com os processos de seleção abertos para preencher o quadro de funcionários em unidades que serão inauguradas em breve em centros de compras — Shopping Parque das Bandeiras e Galleria Shopping. 

O diretor geral da rede de restaurantes Pobre Juan, Manoel Cunha, afirmou que a empresa conseguiu encontrar profissionais com o perfil desejado para a casa do Galleria Shopping. “A unidade de Campinas gerou 50 empregos diretos. Hoje, temos 46 pessoas contratadas. Conseguimos encontrar bons profissionais para a área de cozinha. Na parte de salão, também contratamos mão de obra qualificada”, disse. 

Ele salientou que ainda há posições a serem ocupadas como maítres, garçons e um chefe de cozinha experiente. O grupo que administra a rede de restaurantes investiu R$ 3,5 milhões na unidade de Campinas, que é a primeira da marca no Interior. “Temos hoje seis unidades em funcionamento. A casa instalada na ala nova do Galleria Shopping tem 180 lugares. Nosso negócio está em expansão e vamos abrir mais quatro casas entre o final deste ano e 2013”, comentou. A empresa emprega 380 pessoas. 

Seleção

A inauguração do Shopping Parque das Bandeiras está prevista para o início de novembro e as lojas que abrirão as portas no centro de compras estão em processo de contratação. O novo shopping vai gerar 2,5 mil empregos diretos. A Lojas Renner, que terá uma unidade no local, realiza hoje o último dia de seleção de currículos. A rede vai admitir 60 pessoas para os cargos como auxiliar de expedição, auxiliar de estoque, auxiliar de loja, fiscal de loja, costureira, assistente de vendas, operador de caixa, assistente de produtos financeiros e tesoureiro. A unidade será a quinta da empresa em Campinas. Os currículos devem ser entregues para os recrutadores que estarão no Hotel Nacional Inn. A rede busca por pessoas de pelo menos 18 anos, que saibam se relacionar com o público e também com a equipe de trabalho, e ainda que tenham disponibilidade para trabalhar aos finais de semana. 

Outra grande da área de varejo que está contratando na cidade é a C&A. A empresa vai inaugurar em outubro uma loja na área de expansão do Galleria Shopping. A unidade terá 40 funcionários. De acordo com a empresa, serão contratados supervisor de loja, operador de vendas e serviços, operador de caixa, promotor de cartão, fiscal de loja, analista de crédito e jovem aprendiz. Os interessados devem se inscrever no site www.cea.com.br.  

A Anna Pegova, que atua na área de estética, também está contratando para a unidade da nova ala do centro de compras. Até o momento, foram admitidas quatro funcionárias e há previsão de mais uma gerente e duas esteticistas. A expansão do Galleria vai gerar mais de 500 postos diretos de trabalho. 

As contratações previstas para os próximos meses vão equilibrar os números do setor neste ano. “Haverá um crescimento em relação ao ano passado que deve chegar no máximo a 3%”, previu o coordenador do Departamento de Economia da Associação Comercial e Industrial de Campinas (Acic), Laerte Martins.