1. Você está aqui:  
  2. Home
  3.  > 
  4. notícias
  5.  > 
  6. Campinas e RMC

Fogo em lixo deixa criança de 6 anos gravemente ferida


Garoto de seis anos sofreu queimaduras de 2º grau depois que um frasco aerosol explodiu em uma montanha de lixo no Novo Jardim Planalto


16/09/2012 - 18h55 .
Felipe Tonon   DA AGÊNCIA ANHANGUERA  


Bruno já passou por duas cirurgias nos braços e na perna esquerda para a colocação de uma tela especial
(Foto: Divulgação)
Maria Serafina diz que é comum jogarem lixo no local
(Foto: Rodrigo Zanotto/Especial para AAN)

Uma criança de apenas seis anos sofreu queimaduras graves enquanto brincava na rua de sua casa, no Novo Jardim Planalto, em Campinas, próximo a uma montanha de lixo que pegava fogo. De acordo com a família de Bruno, um frasco aerosol explodiu e atingiu a criança, que teve queimaduras de 2º grau nos braços, perna e rosto. O acidente aconteceu no dia 7 de setembro, mas só agora a família registrou boletim de ocorrência. O menino está internado na ala de queimados da Santa Casa de Limeira e não há previsão de alta. Ele irá passar pela terceira cirurgia nesta segunda-feira (17). 

A avó do garoto, Maria Serafina da Silva Santos, de 52 anos, disse que é comum as pessoas da rua jogarem lixo nos fundos de sua casa e atear fogo, mas nunca imaginou que pudesse acontecer um acidente. 'As pessoas precisam se conscientizar. Deixa o lixo na porta de casa e o lixeiro passa, não precisa colocar fogo' , disse. 'Aqui tem muita criança e elas veem fogo e vão querer mexer, não sabem as consequências' .

A mãe de Bruno, a dona de casa Daniele Serafim da Silva, de 21 anos, contou que o filho brincava com outras crianças naquele dia, que era feriado. 'Ele deixou a bicicleta e disse que ia comprar um salgadinho no bar e quando ele passou pelo fogo alguém jogou um frasco aerosol, que explodiu e acertou ele' , disse. 


'Eu ouvi o estouro, o barulho foi muito alto, mas não sabia que era meu filho. Ele voltou gritando, chorando, dizendo que estava doendo' . 
B.K.S foi levado por um vizinho até a emergência do hospital Ouro Verde. Ele foi transferido no dia seguinte para a unidade de queimados da Santa Casa de Limeira, onde permanece internado.  'Ele já está bem melhor, mas está com dificuldade para se alimentar e está muito traumatizado' , disse a mãe. 

Bruno já passou por duas cirurgias nos braços e na perna esquerda para a colocação de uma tela especial. Nesta segunda ele passará pelo terceiro procedimento cirúrgico semelhante e só depois os médicos saberão se haverá a necessidade de realizar enxerto. 'Ele ficou bem machucado. O rostinho dele ficou todo queimado, as orelhas, mas graças a Deus o pior já passou' , agradeceu a Daniele, que foi neste final de semana para Limeira acompanhar o tratamento do filho.