1. Você está aqui:  
  2. Home
  3.  > 
  4. notícias
  5.  > 
  6. Nacional

Traficante é preso com pé de maconha em fase de crescimento


Guarda Simo pegou um deles rapidamente, impedindo-o de engolir uma trouxa cheia de droga


11/08/2012 - 19h53 .
Ana Cristina Andrade   DA GAZETA DE PIRACICABA  

A noite de sexta-feira (11) foi agitada nos meios policiais em Piracicaba. Tráficos de drogas, porte de armas e uma tentativa de homicídio foram apresentados no plantão da rua do Vergueiro entre 18 e 23 horas. Com um acusado de tráfico foi apreendido um pé de maconha em fase de crescimento. 

A primeira ocorrência da noite foi de tráfico, seguido de dano ao patrimônio, e ocorreu na rua Lílian Lemertz, no bairro Alvorada. O acusado é um operador de máquinas de 24, e que mora no local dos fatos. Com ele, dois guardas civis apreenderam 87 porções de drogas, um pé de maconha, e dinheiro. 

De acordo com eles havia denúncia de que o local era ponto de venda de entorpecentes. Ao chegarem deram de cara com dois homens - um na calçada e outro na garagem - notando que eles trocavam objetos. 

O Guarda Simo pegou um deles rapidamente, impedindo-o de engolir uma trouxa de maconha. O outro foi pego pelo GC Oséias, que recuperou a droga que o traficante havia jogado no telhado. 

Ao ser colocado na viatura, um deles deu um chute na placa acrílica do compartimento de presos. Vai responder também por dano. 

Tiros

O crime aconteceu no bar de João da Silva, no bairro Sol Nascente. Um homem se aproximou e deu os tiros, que acertaram o comerciante na cabeça e abdômen. Ele foi levado para o Hospital dos Fornecedores de Cana, onde ia passar por cirurgia.

O autor, que de acordo com a esposa da vítima usava capacete, não foi localizado. No bar, os guardas recolheram quatro cápsulas deflagradas. Familiares do comerciante lavaram o local do crime, para limpar o sangue, mas a delegada Monalisa Fernandes dos Santos encaminhou uma equipe de perícia ao estabelecimento.

Lago Azul 

Neste bairro, policiais militares prenderam um homem de 21 anos que, além de droga, portava R$ 1,4 mil - de provável venda do entorpecente.

Porte de arma

No Mercado Municipal de Piracicaba foi preso um vigilante com um revólver calibre 31. Guardas civis disseram que passavam pelo local quando viram a porta aberta. Entraram e abordaram o segurança. Ele carregava a arma na cintura. Foi para o CDP.